Adolescentes, esperam que se conscientizem depois de assistir esse video

Os efeitos do álcool sobre o organismo

O álcool ingerido se difunde através das paredes do intestino sem sofrer transformações no tubo digestivo. Rapidamente, ele aparece no sangue e se distribui por todo o organismo. 2 a 10% da dose ingerida são eliminadas diretamente pelo ar expirado, pela urina e pelo suor. A transformação do álcool restante é assegurada essencialmente pelo fígado. A taxa de álcool diminui então a uma velocidade de 0,1 à 0,2 g/l por hora, com grandes variações de um indivíduo para outro.

Os efeitos aumentam à medida que a taxa de concentração de álcool no sangue, chamada Taxa de alcoolemia aumenta. Essa taxa é medida em gramas por litro de sangue (g/l).
· 0,3 g/l: primeiras modificações do campo visual e modificações comportamentais.
· 0,5 g/l: alongamento do tempo de reação, modificações comportamentais mais marcadas.
· 1 à 2 g/l: fase de excitação (liberação dos impulsos agressivos, desinibição).
· 2 à 3 g/l: embriaguez confirmada (perturbações do equilíbrio, redução da atividade relacional).
· Superior a 3 g/l : fase de depressão (perda da noção do tempo e do espaço, alteração da vigilância, coma).

Exemplos de situações de acidente que envolvem o álcool:
· Não detecção de um obstáculo que ocorra lateralmente (campo visual reduzido).
· Percepção errada das distâncias (visão estereoscópica alterada).
· Frenagem tardia (tempo de reação alongado).
· Saída de pista (falta de resistência ao cansaço).
· Erro de condução (coordenação dos movimentos perturbada).
· Crescimento da possibilidade de correr risco (desinibição).

3. Ataxa de alcoolemia

Aula 12 imagem 3.R


O controle da taxa de alcoolemia pode ser feito por vários tipos de aparelhos, inclusive etilotestes (“bafômetros”) descartáveis.
O gráfico ao lado mostra, a título de exemplo, como varia a taxa de alcoolemia de uma pessoa que teria bebido três latas de cerveja, a primeira na hora H, a segunda uma hora mais tarde, a terceira duas horas mais tarde.

A curva azul mostra o efeito da primeira lata, a verde o efeito adicional da segunda, a vermelha o efeito adicional da terceira. Esta pessoa não poderá dirigir antes da hora H+6, isto é quatro horas após ter bebido a terceira lata de cerveja.
Cálculo efetuado com as seguintes hipóteses:
Pessoa de 70 kg. Latas de 0,375 litro. Teor de álcool na cerveja: 3,5 %.

Aula 12 imagem 4.R



Um chope (250 cm³), uma taça de vinho (120 cm³), uma caipirinha (30 cm³ de cachaça), contêm aproximadamente a mesma quantidade de álcool puro (entre 10 e 15 gramas).

tabela
<iframe width="640" height="360" src="//www.youtube.com/embed/ZKrqlgpQXZ4?feature=player_detailpage" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>
FONTE DONA DE CASA PERFEITA
Compartilhar no Google Plus

Autor: joriongleide silva

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Para editar va No HTML E procurar esse texto.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário